Conhecida pelas belas praias e diversidade de vida noturna, a capital de Santa Catarina também tem muito a oferecer para quem busca uma viagem cultural. Visitas a museus e pontos turísticos históricos, jantares em restaurantes da gastronomia local e passeios pelas vilas originárias da cidade são alguns dos programas indicados para quem quer fazer um roteiro diferente na Ilha da Magia.

Confira nossas dicas de lugares culturais para sua próxima viagem a Floripa!

Mercado Público

Um dos prédios mais marcantes do centro da cidade por sua arquitetura histórica, o Mercado Público reúne uma boa variedade de comércio de peixes e frutos do mar, além de bares com música ao vivo e petiscos. Um dos mais famosos é o Box 32, conhecido pelo seu famoso pastel de camarão.

O Mercadão fica aberto de segunda a sexta-feira (7h às 22h) e nos sábados e domingos (7h às 17h). A entrada é gratuita. Você pode optar por almoçar e depois visitar os boxes, ou chegar um pouco mais tarde e aproveitar os bares com música ao vivo. Também é um ótimo local para adquirir presentes e lembrancinhas para o restante da família.

Museu Histórico de Santa Catarina

Uma viagem cultural só fica completa depois de visitar um museu, certo? Embora pouca gente conheça o Museu Histórico de Santa Catarina, ele está localizado em uma região bastante privilegiada: o Centro Histórico. O nome da edificação que abriga o museu é Palácio Cruz e Souza, construído em 1785.

Por lá, você vai encontrar acervos arquitetônicos e bibliográficos da história de Florianópolis e região. Funciona de terça a sexta, com ingressos a R$ 5, das 10h às 18h. Aos sábados, domingos e feriados, das 10h às 16h. Somente aos domingos a entrada é franca.

Forte de Santana

Localizado aos pés da Ponte Hercílio Luz, o Forte de Santana foi construído em 1761 para proteger a a Vila de Nossa Senhora do Desterro, antigo nome de Florianópolis. Em 1938, foi tombado como Patrimônio Histórico e Artístico Nacional e, desde 1975, abriga o Museu de Armas da Polícia Militar de Santa Catarina.

A visitação é gratuita, de terça a domingo das 9h às 17h. É interessante para conhecer uma construção antiga, que dispunha de todos os ambientes para abrigos de soldados que protegiam a região, com cozinha, banheiros e alojamentos.

Ponte Hercílio Luz

Apelidada de “Velha Senhora”, a Ponte Hercílio Luz é o símbolo da cidade de Florianópolis e cartão postal da ilha. Inaugurada em 1926, foi construída para ligar Floripa ao município vizinho, São José. Com um histórico de abandono pelo poder público, a ponte passou por diversas restaurações, que paravam e recomeçavam, até ser reaberta para pedestres em dezembro de 2019. A reabertura foi marcada por atrações culturais e levou moradores e turistas à ponte.

Embora ainda não esteja aberta para carros particulares (o que só deve acontecer no segundo semestre de 2020), a prefeitura disponibilizou a linha de ônibus circular “Ponte Viva”, que percorre de forma gratuita o trajeto entre o centro da ilha e a cabeceira da ponte, no Parque da Luz.

Vilas Açorianas

As vilas açorianas estão espalhadas principalmente entre o Centro e as praias do Norte da ilha. As casinhas coloridas e geminadas preservam a arquitetura original com traços açorianos e costumes típicos das tradições portugueses. O calçamento de pedras em algumas vias também é característico dessas vilas.

No bairro de Santo Antônio de Lisboa, o charme das casinhas merece um passeio durante a tarde, seguido do pôr-do-sol que pode ser observado dos restaurantes à beira-mar. Na Casa Açoriana, os turistas encontram artesanato regional.

Experenciar uma viagem cultural é muito mais do que visitar lugares históricos: é entender um pouco mais da origem da cidade, vivenciar as tradições de seus moradores e desfrutar do estilo de vida que faz cada destino especial!

Gostou das nossas dicas e quer conhecer outros aspectos da Ilha da Magia? Saiba mais sobre o Centro Histórico de Florianópolis!

 


Escreva um comentário