O estresse na rotina é causado por pressão no trabalho, responsabilidades familiares e problemas financeiros, entre outras situações.

Embora seja comum, é importante ficar atento aos sinais do organismo que indicam um nível elevado de estresse e tomar providências para sanar o problema, já que ele pode afetar a saúde.

Você sabe quando é hora de afastar o estresse da rotina e como fazer isso? Acompanhe o post e veja nossas dicas sobre o assunto!

Sinais de estresse na rotina

Ao longo da semana, é comum enfrentarmos alguns momentos de tensão que fazem com que o organismo aumente a produção de cortisol e adrenalina, causando contração dos músculos e batimentos cardíacos acelerados, entre outros sinais.

Esses efeitos, geralmente, são passageiros. Entretanto, em caso de estresse na rotina, esses sintomas se tornam frequentes e outros ainda podem ser percebidos. Veja alguns deles.

1. Irritabilidade

Ficar irritado o tempo todo é algo que exige avaliação. Aborrecer-se com frequência por situações que antes não incomodavam pode ser um sinal de estresse.

A irritação e o mau-humor constante atrapalham a relações com familiares e amigos e resultam em afastamento.

2. Falta de concentração

A falta de concentração ocorre por diversos motivos: interrupções de colegas, noites mal dormidas ou uso de aparelhos que incentivam a distração. No entanto, quando esse sintoma está ligado a outros, como insônia, mau-humor e cansaço, pode ser um indicativo de estresse.

Conheça a Pousada dos Chás

3. Dificuldade para dormir

O estresse na rotina também causa dificuldades para dormir, o que potencializa outros sintomas no organismo e afeta a qualidade de vida.

Ter poucas horas de sono é prejudicial para sua concentração no trabalho, na produtividade e no humor. O recomendado é que um adulto durma entre sete e nove horas por noite.

4. Dores pelo corpo

Como dito acima, o estresse ativa a contração nos músculos, o que gera dores no pescoço e nas costas.

Além disso, é comum surgirem outros sintomas físicos, como dor de cabeça, problemas de estômago, prisão de ventre, etc.

5. Cansaço

A sensação de esgotamento é outro sintoma que precisa ser avaliado. O cansaço extremo atrapalha o trabalho, as atividades de lazer e o convívio familiar e pode ser um sinal de estresse elevado.

Como reduzir o estresse

Há diversas atitudes que contribuem para reduzir o estresse e manter a tranquilidade e a qualidade de vida.

A prática de exercícios físicos é bastante benéfica, já que, durante esse processo, o organismo libera endorfina, gerando uma sensação de bem-estar.

A meditação ajuda a combater o estresse, a ansiedade e a insônia. O controle da respiração durante essa atividade ajuda a relaxar os músculos e a manter a calma.

As atividades sociais, como os passeios com a família e com os amigos, também são extremamente benéficas, assim como as viagens. Elas oferecem momentos de bem-estar, aliviam as pressões diárias e resultam em alegria.

Não deixe que o estresse na rotina afete sua saúde física e mental. Ao perceber os sinais, procure formas de combater a tensão com atividades físicas, hobbies e viagens, entre outras estratégias.

Achou o post interessante? Então, compartilhe o texto em suas redes sociais para que seus amigos também fiquem por dentro do assunto!

Quer saber mais sobre as praias de Florianópolis? Assine nossa newsletter e receba os textos mais lidos do nosso blog semanalmente.

 


Escreva um comentário