Você já ouviu falar em ecoturismo? Essa forma de viagem desperta o interesse de muitas pessoas devido à proximidade com a natureza e a possibilidade de praticar atividades fora dos centros urbanos.

No Brasil, há diversos destinos propícios para isso, um deles é Florianópolis, que conta com inúmeras paisagens naturais e diversas opções para atividades de lazer e aventura.

Quer entender quais são os diferenciais do ecoturismo e quem sabe optar por essa modalidade nas próximas férias ou folga? Então, continue a leitura e fique por dentro do assunto!

O que é o ecoturismo?

O ecoturismo, também conhecido como turismo ecológico, está relacionado com viagens e passeios que utilizam a paisagem natural como atrativo. Ou seja, rios, mar, cachoeiras e montanhas são os principais elementos presentes nessa experiência.

Esse estilo de viagem pode ser feito por pessoas de todas as idades e se torna uma oportunidade de aumentar a educação ambiental dos turistas, que percebem que podem aproveitar as áreas naturais de forma sustentável, sem degradá-las e respeitando a comunidade do entorno.

Ao fazer ecoturismo, é importante recolher o lixo gerado, não danificar ou retirar plantas e animais de seu habitat e respeitar as regras do local — em alguns casos pode haver um limite de entrada de visitantes por dia, por exemplo.

Quais atividades podem ser feitas nesse tipo de viagem?

Essa modalidade de viagem envolve diversos tipos de passeios e atividades, que podem ser feitas, inclusive, por famílias com criança. A escolha dependerá do seu perfil e interesses. A seguir, separamos alguns exemplos do que é possível fazer.

Trekking

O trekking pode ser considerada uma das principais atividades quando se fala em ecoturismo. Ela é caracterizada pela realização de trilhas para explorar a natureza, conhecer a fauna e flora da região, visitar cachoeiras, lagos, mirantes etc.

A atividade se diferencia de uma caminhada, pois envolve um nível de dificuldade maior. Além disso, os grupos de trekking costumam passar mais de um dia no local. Entretanto, quem não tem condições físicas, ou não tem interesse em fazer um passeio longo, pode optar por trilhas com percurso curto e baixa intensidade.

Rafting

O rafting consiste em percorrer rios e corredeiras a bordo de um bote e pode de ser praticado por pessoas de diversas idades.

A modalidade conta com um sistema de classificação de acordo com os obstáculos e nível de dificuldade da travessia. As classes I e II, por exemplo, são voltadas para iniciantes, pois há poucos obstáculos, as manobras são ocasionadas e não há a necessidade de muito treinamento.

Há diversos locais no país para praticar rafting, porém, é fundamental buscar uma agência especializada que tenha instrutores e ofereça todos os equipamentos de segurança, como colete salva-vidas e capacete.

Mergulho

Se você quer explorar o fundo do mar e ver corais e peixes de perto, não pode deixar de praticar mergulho durante a viagem. A atividade pode ser feita com cilindro ou snorkel em diversas regiões do país, como Bonito, Maragogi e Florianópolis.

Quem deseja ter uma experiência mais completa pode investir no mergulho com cilindro. Nesse caso, é preciso buscar uma escola especializada para alugar todos os equipamentos necessários, fazer aulas e praticar na piscina antes de mergulhar no mar.

Voo livre

Para quem gosta de altura e adrenalina, os voos de asa delta ou parapente são ótimas opções em viagens de ecoturismo. Na experiência você poderá contemplar a paisagem de um ângulo diferenciado. Quem visita Florianópolis, por exemplo, pode fazer voo livre saltando da Praia Mole ou do Morro da Lagoa da Conceição e ter um visual deslumbrante da região.

Rapel

O rapel consiste na descida de cachoeiras e paredões com o uso de cordas. A atividade é mais uma forma de explorar a natureza e ainda desafia os limites dos participantes. Quem vai praticar o esporte pela primeira vez deve contar com o auxílio de guias e instrutores para garantir a segurança.

 Como organizar a viagem?

Se você se interessou pelo ecoturismo e pretende realizá-lo em sua próxima folga, é importante conferir algumas dicas para planejar o passeio de forma adequada. Saiba, a seguir, quais são elas!

Escolha o destino

Há diversos destinos propícios para o ecoturismo, com montanhas, rios, lagos etc. Portanto, pesquise sobre eles e veja qual é o mais interessante de acordo com o seu orçamento para a viagem e as atividades que você deseja realizar. Algumas opções são:

  • Bonito (MS);
  • Chapada Diamantina (BA);
  • Florianópolis (SC);
  • Iporanga (SP);
  • Chapada dos Veadeiros (GO).

Fique de olho na previsão do tempo

As experiências de ecoturismo são feitas ao ar livre, ou seja, você deve avaliar as condições climáticas para escolher a melhor época para viajar. Sendo assim, analise os períodos de chuva na região em que pretende visitar para programar a melhor data e minimizar imprevistos com esse fator.

Organize a sua bagagem

Ao fazer ecoturismo, além dos itens essenciais em qualquer viagem, como óculos de sol, protetor solar e chinelo, é fundamental levar objetos e peças para garantir conforto e proteção durante as atividades ao ar livre. Nesse caso, não se esqueça de incluir na bagagem itens como boné, repelente, tênis confortável e mochila para levar lanche, garrafa de água e kit de primeiros socorros.

Pesquise sobre as agências de turismo

Antes de sair para a sua viagem, pesquise sobre agências de passeios. O Ministério do Turismo fornece o certificado Cadastur para as empresas e guias cadastrados no órgão e pode ser um passo inicial para isso.

Outra dica é avaliar a credibilidade e a reputação do local para garantir a contratação de um serviço adequado. Ao fazer atividades de aventura é fundamental conferir se a empresa conta com instrutores e se oferece todos os equipamentos de segurança recomendados, bem como as condições dele.

Essas são as principais dicas sobre ecoturismo. Se você pretende realizar esse tipo de viagem é importante planejá-la com atenção para escolher as melhores atividades e garantir uma experiência positiva.

Gostou de saber mais sobre o assunto? A Pousada do Chá oferece assessoria turística e pode ajudar no planejamento da sua viagem de ecoturismo por Florianópolis. Entre em contato e conheça os nossos serviços!

 


Escreva um comentário